TI x TA: a importância da convergência entre as áreas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on email
27 de janeiro de 2021

Saiba por que a integração entre as áreas de Tecnologia da Informação e de Tecnologia da Automação é uma etapa fundamental para o crescimento da indústria.

 

Para ter acesso a um conteúdo com todos os detalhes desse assunto e contar com informações ainda mais completas, você pode baixar nosso e-book “TI e TA – A importância da convergência entre as áreas para apoiar a digitalização na fábrica”.
blank

O que é Lean Manufacturing

Primeiro, é importante compreender o significado desse conceito – também conhecido como manufatura enxuta –, como ele impacta a produção e qual a sua relação com as práticas da Indústria 4.0.

Essa filosofia de gestão visa a identificação, redução e, posteriormente, a eliminação de desperdícios, promovendo uma melhora da qualidade, e a diminuição de tempo e custos de produção. Além disso, está diretamente conectada com a Indústria 4.0 – uma vez que podem atuar juntos na busca por melhorias no processo de produção.

Ou seja, a integração dos processos tecnológicos contribui pontualmente para essa metodologia.
blank

Os papéis da Tecnologia da Informação (TI) e da Tecnologia da Automação (TA)

Tecnologia da Informação é o conjunto de todas as atividades e soluções providas por recursos de computação, para a gestão da unidade empresarial, composto por hardwares e softwares.

Tecnologia da Automação, por sua vez, representa o conjunto de ferramentas – hardwares e softwares – responsáveis pela medição, controle, automação, segurança da planta e da máquina na unidade produtiva.

Em meio ao processo de tornar o chão de fábrica mais ágil, a área de Tecnologia da Automação busca implementar sistemas que tragam mais integração aos processos. Já sob a responsabilidade da Tecnologia da Informação está a procura por soluções envolvendo softwares, hardwares, banco de dados e redes.

blank

Convergência entre áreas

O resultado dessa convergência é um ambiente ágil, onde as pessoas e as máquinas trocam informações e dados entre si de forma segura, consistente e com objetivos claramente traçados – encontrando soluções que ajudem a:

  • Redução dos erros e retrabalhos;
  • Economia de recursos;
  • Melhora na tomada de decisão;
  • Menor necessidade de manutenção e paradas;
  • Tomada de decisão com base em dados reais do processo;
  • Aumento considerável da produtividade.

Além disso, o controle das informações que estão sendo geradas e controladas na rede permite uma visão inteligente de tudo o que está acontecendo na fábrica de forma remota e por meio de qualquer dispositivo, como computadores, celulares ou tablets.

blank

Case Balluff

Nos últimos anos, nós da Balluff percebemos que poderíamos acelerar o processo de digitalização dentro da fábrica se as áreas de TI e TA estivessem mais conectadas – garantindo uma série de vantagens. A partir desse ponto, surgiu a necessidade de integração.

Portanto, antes de executar o processo de conexão entre as equipes, identificamos os desafios e as dificuldades desse planejamento, a fim de solucionar cada um deles e evitar contratempos:

  • A definição clara das responsabilidades e autonomia de cada uma das áreas;
  • Garantir a manutenção dos sistemas;
  • A falta de alinhamento com a equipe de TI durante o projeto e suas consequências;
  • As equipes de TI não conhecem os processos de produção, enquanto os times de TA não têm ciência da complexidade envolvida no desenvolvimento de aplicações em rede;
  • O mapeamento detalhado das etapas considerando todas as variáveis possíveis era muito complexo para garantir seu bom funcionamento.

Para montar uma infraestrutura de convergência mantivemos as bases separadas, entretanto, adotamos a participação da Tecnologia da Informação já no início do desenvolvimento de cada novo projeto – o que, ao nosso ver, promoveu uma intensa troca de experiências entre as áreas.

Além disso, devido à proximidade e boa comunicação entre as esferas, os obstáculos supracitados foram superados com facilidade.

Resultados

O processo foi flexibilizado, pois ambas as áreas conseguem oferecer seu conhecimento e saber se as metodologias estão se adaptando ao sistema da Balluff.

É um processo contínuo, que ainda não foi concluído, mas que já garantiu aumento da produtividade, redução de erros e diminuição nas paradas para manutenção.

O tempo de resposta também foi otimizado, já que é possível monitorar – em tempo real – qualquer nível do processo.

blank

Caso você tenha interesse em mais informações sobre o assunto, não se esqueça de baixar nosso e-book. Nele, você também encontra depoimentos dos departamentos envolvidos e dos operadores – contando o impacto dessa integração no dia a dia de trabalho deles.

Fique à vontade para compartilhar sua experiência ou tirar alguma dúvida que tenha ficado
Se nossa matéria ajudou você, gostaríamos muito de saber como! Isso vai nos ajudar a criar artigos cada vez mais úteis para você.